Fazer teste vocacional: vale a pena?

fazer teste vocacional

Um dilema de praticamente todo adolescente prestes a escolher uma carreira: o que eu quero fazer da vida? A não ser que você seja uma daquelas pessoas que nasceu querendo ser médico, dentista, bombeiro ou qualquer outra profissão que escolhermos na infância, você faz parte da grande maioria dos mortais que podem se beneficiar ao fazer teste vocacional.

Normalmente temos que fazer essa, que é uma das escolhas mais difíceis da nossa vida, muito cedo, quando ainda somos muito jovens. Com isso, muitas pessoas acabam fazendo cursos que não se identificam. Ou até passam anos da vida em uma profissão que não gostam. 

Ler sobre como é o curso, como é a profissão, mercado de trabalho ou ouvir a experiência de quem já está na área, são apenas algumas opções para saber mais sobre o curso escolhido. Mas, às vezes, podem não ser o suficiente. Isso porque para chegar nesse ponto, precisamos ter pelo menos optado por um curso. E essa pode ser a parte mais difícil.

Se você está entrando agora na universidade ou está querendo mudar de área, você pode tentar fazer teste vocacional e quem sabe, descobrir um pouco mais sobre você mesmo e seus talentos.

Mas, primeiramente, o que e para que serve fazer teste vocacional?

O que é teste vocacional

Teste vocacional é um teste normalmente aplicado por psicólogos para orientação profissional. Faz parte de um conjunto de teorias e técnicas que ajudam as pessoas a tomarem decisões sobre suas profissões. Através de testes, é analisado o perfil da pessoa e quais as carreiras podem ter a ver com ele.

Vocacional vem de vocação, ou seja, tendência ou inclinação a algo que pode levar uma pessoa a executar certas ações, levando a exercer uma determinada profissão.

É um teste baseado em ciência que analisa as respostas e é totalmente individual. É um teste que serve de apoio para a tomada de decisão.

Muitas vezes, o teste vocacional pode indicar uma área a seguir, como área da saúde, exatas, humanas, e não uma carreira específica. Ele também serve para te mostrar uma série de profissões que você muitas vezes não tinha nem ideia que poderia escolher, aumentando as suas possibilidades.

Quem pode fazer o teste vocacional

O ideal é que quem aplique o teste vocacional seja um profissional da psicologia. Isso porque os testes precisam ser avaliados com conhecimento sobre as habilidades interpessoais. Além disso, psicólogos conseguem avaliar os traços de personalidade de quem está fazendo o teste.

Dessa maneira, os psicólogos podem perceber as habilidades que muitas vezes podem estar escondidas por falta de autoconhecimento. Bem como gostos e preferências que podem ajudar em certas profissões.

Com certeza, testes aplicados por esses profissionais terão muito mais chances de acerto do que testes disponíveis na internet. Isso porque esses últimos tem análises muito superficiais e, por falta de auxílio de um profissional, não podem ser bem avaliados.

Por conta disso, sempre opte por fazer teste vocacional com um profissional especializado que tenha uma fundamentação teórica para poder te ajudar a fazer a escolha mais adequada.

Agora, se você só precisa de uma orientação sobre profissões e médias salariais, pode também consultar um profissional da área de RH que poderá te ajudar nessas dúvidas.

Como fazer teste vocacional

Como já mencionamos, você deve procurar uma pessoa que tenha autoridade para aplicar esse tipo de teste. Sendo assim, cada profissional pode optar por uma metodologia diferente.

Normalmente são feitos vários exercícios que podem ser individuais ou em grupo. Esses exercícios podem ser feitos através de dinâmicas ou práticas. Também são aplicados questionários, testes de personalidade e de raciocínio.

Após a aplicação desses instrumentos, o psicólogo faz a avaliação dos resultados, elaborando um laudo técnico baseado nas suas afinidades.

Por conta disso, é sempre bom procurar um profissional especializado, que já tenha prática nesse tipo de trabalho. Com isso, o teste se torna mais confiável.

Vale a pena fazer teste vocacional?

Sim, vale! Por mais que seja como ferramente de autoconhecimento. Já que ele pode ajudar a determinar melhor seus valores, interesses, competências e expectativas sobre a futura profissão. Tudo isso pode servir para que você possa tomar decisões sobre diversas áreas da própria vida.

Um teste pode fazer você fazer uma autorreflexão e questionamentos importantes sobre o que você quer fazer da sua vida.

Além disso, o teste normalmente aponta, como já mencionamos, uma série de outras profissões que muitas vezes nem tinha passado pela cabeça do estudante, aumentando as possibilidades de carreira e futuro.

Mas tenha em mente que o teste normalmente não indica uma profissão específica que você deva seguir e sim, um perfil profissional. Ele serve mais como orientação e aconselhamento baseado nas suas habilidades. Sendo assim, não é uma regra a ser cumprida.

E você? Tem vontade de fazer teste vocacional? Já fez alguma vez? Conta pra gente o que você achou!

Leave a Reply

Your email address will not be published.